Cerave_Blog

O que caracteriza uma pele sensível (e como pode ser cuidada)?

> Dicas e Conselhos

O que caracteriza uma pele sensível (e como pode ser cuidada)?

Pruridos, desconforto... 40% dos homens e 60% das mulheres consideram que têm uma pele frágil. A sensibilidade da pele é um problema que afeta cada vez mais pessoas, mas o que é exatamente? Quais são os cuidados a ter com a pele sensível, intolerante ou reativa?

O que é uma pele sensível?

Uma pele considerada sensível ou intolerante é uma pele que reage de forma excessiva aos elementos, tais como o frio, a temperatura ou o vento, ou outros estímulos que em condições de tempo normais não desencadeariam irritação ou desconforto. A barreira cutânea da pele madura não desempenha corretamente o seu papel de proteção. Contudo, não se trata de um tipo de pele e sim de um estado da pele. Como tal, uma pessoa com pele seca, mista ou oleosa pode ter sensibilidade da pele. A pele raramente é sensível desde a nascença. Independentemente do tipo de pele, é possível passar a ter pele sensível devido a agressões recorrentes, um estilo de vida inadequado ou situações de stress significativo.

Como é que a sensibilidade da pele se manifesta?

Quais são os seus sintomas?

A reatividade da pele manifesta-se sobretudo através de vermelhidão, mas também pode causar sensações de formigueiro, desconforto e pruridos.

Quais são as suas causas?

Vários fatores externos podem causar reações na pele sensível e torná-la ainda mais frágil:

- As condições climáticas: calor, frio, humidade, ar seco… O clima e as estações do ano têm um impacto significativo na pele sensível.

- A poluição e, sobretudo, as partículas finas aerotransportadas agridem a camada superior da pele sensível.

- O sol e, especificamente, os raios ultravioleta (UV) são extremamente nocivos.

Uma epiderme saudável combate naturalmente estas agressões externas e impede que estas substâncias penetrem nas camadas da pele. Contudo, nas peles sensíveis, a barreira cutânea está alterada e deixa de desempenhar o seu papel de proteção.

Quais são os cuidados a ter com a pele sensível?

Hidratar com produtos adaptados às peles sensíveis

A rotina é igual para todos os tipos de pele: limpeza, desmaquilhagem e hidratação, mas com produtos hipoalergénicos especialmente concebidos para a pele sensível. Opte por cremes enriquecidos com ceramidas e matérias gordas. Evite a utilização de múltiplos produtos.

Limitar as fontes de agressões

Sempre que for possível, evite os locais demasiado quentes, demasiado secos, extremamente húmidos ou muito frios. Da mesma forma, caso tenha pele sensível, deverá tentar evitar zonas muito poluídas. Não deverá igualmente utilizar métodos de exfoliação abrasivos. Muitas vezes a exfoliação é demasiado agressiva e pode tornar a pele ainda mais sensível.

Consultar um dermatologista

Se os problemas de sensibilidade persistirem, não hesite em consultar um especialista da pele. Após ter examinado a sua pele, o seu médico poderá chegar à conclusão de que existem sintomas patológicos não relacionados com uma pele sensível, tais como uma rosácea ou eczema, sendo que estes problemas necessitam de ser sujeitos a tratamentos específicos.